A energia eólica no Brasil

energia eólicaEm 2016 a geração eólica recebeu expressivo volume de 5,4 bilhões de dólares em investimentos, que proporcionaram a criação de 30 mil empregos no Brasil.

Para 2017 está previsto mais crescimento do mercado, o que abre um amplo leque de oportunidades para toda a cadeia de fornecimento de produtos e serviços e também para os especialistas interessados em conquistar uma posição na área.

Conforme consta no boletim anual de geração eólica publicado pela Associação Brasileira de Energia Eólica em 2016, 81 novos parques eólicos garantiram a adição de mais dois gigawatts de energia à matriz elétrica brasileira.

Com isso o país finalizou o ano com 430 parques de geração eólica que totalizaram 10,75 gigawatts de capacidade instalada representando 7% da matriz nacional Segundo a câmara de comercialização de energia elétrica a geração de energia eólica cresceu 55% em 2016 na comparação com o ano anterior, o total gerado chegou a 33,15 terawatts-hora, Ou seja, um volume próximo ao consumo do estado de São Paulo que é de 38,2 terawatts-hora.

A energia eólica gerada em 2016 equivale ao abastecimento mensal de aproximadamente 17,2 milhões de residências atendendo cerca de 52 milhões de habitantes. Esse índice cresceu 58% em relação a 2015 quando 33 milhões de pessoas foram atendidas por essa fonte.

De acordo com a última atualização, o Brasil chegou mês de maio de 2017 com 443 parques eólicos, mais de 5.700 aerogeradores instalados e capacidade instalada de geração de 11 gigawatts. A perspectiva é de que a capacidade instalada de geração chegue a 13 gigawatts ao final de 2017 e a 17,3 gigawatts em 2020.

Segundo dados do conselho global de energia eólica em 2016 o Brasil se tornou o 9º colocado no ranking mundial de capacidade instalada logo após China, Estados Unidos, Alemanha, Índia, Espanha, Reino Unido, França e Canadá.

Energia eólica no Brasil em 2018

No ano de 2018, a produção de energia através dos ventos ultrapassou os 14W de capacidade instalada, dividida em quase 600 parques eólicos espalhados  pelos estados.

Destacam-se os estados do nordeste, que possuem a maior quantidade de parques eólicos instalados.

Fontes: aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica)

Leave a Reply

Close Menu